fbpx
Decoração Minimalista: A Tendência Que Veio Para Ficar!
21/01/2020 Microcrete

Decoração Minimalista: A Tendência Que Veio Para Ficar!

Categoria: Decoração
Decoração minimalista

A decoração minimalista é uma das tendências do momento. Longe vão os tempos em que ter uma casa recheada de móveis e repleta de objetos decorativos estava na moda. Hoje, o minimalismo impõe-se, não apenas na decoração, mas até como um estilo de vida.

A ideia base deste movimento passa por manter o essencial e evitar o supérfluo. A aplicação dos seus princípios visa também minimizar o desperdício, seja de tempo ou de dinheiro.

Na decoração minimalista, o resultado são espaços amplos, luminosos e funcionais, que convidam ao relaxamento. Esta tendência decorativa mostra que realmente é possível conseguir mais com menos.

 

Os 4 princípios básicos do minimalismo na decoração

 

1. Cores neutras

O minimalismo aplica-se, logo à partida, na paleta de cores escolhida. Habitualmente, o mesmo tom é usado não apenas no revestimento das paredes, mas também nos móveis e restantes objetos. Deste modo, a escolha das cores para decorar uma divisão deve ser feita com o máximo cuidado.

A principal tendência deste estilo é apostar numa cor neutra para cada espaço e complementar com pequenos detalhes contrastantes. O branco é uma opção muito popular enquanto cor-base, porque permite várias conjugações e contribui para iluminar o ambiente. Em alternativa, outras tonalidades claras e luminosas podem também funcionar bem. O essencial é não abusar da variedade de cores em cada espaço.

 

2. Iluminação natural

A luz natural é outra componente importante da decoração minimalista. As cortinas pesadas e opacas tendem a desaparecer, sendo substituídas por soluções mais leves. Em muitos casos, opta-se mesmo pela total ausência das mesmas, o que facilita a entrada de luz solar.

A iluminação artificial é usada de acordo com as necessidades de cada divisão da casa. A iluminação de teto provém normalmente de focos embutidos ou direcionáveis. Os candeeiros, caso existam, são peças discretas e de linhas simples, estrategicamente colocadas.

 

3. Superfícies lisas e contínuas

Tanto no mobiliário como nas paredes, tetos e pavimentos, o objetivo é conseguir uma sensação de continuidade do espaço. Para isto contribui a uniformidade de tons neste tipo de decoração.

Os móveis têm habitualmente linhas direitas e cores claras, que se enquadram no resto da divisão. Em termos de revestimentos, procuram-se superfícies sem juntas, com um acabamento liso. Tudo isto ajuda a reduzir ao mínimo o chamado “ruído visual” e dá aos espaços uma maior sensação de amplitude.

 

4. Espaços funcionais

No geral, cada divisão da casa deve cumprir a sua função da melhor forma possível. São eliminados todos os componentes supérfluos, deixando unicamente o que é essencial. Isto significa que objetos cuja única função é decorar desaparecem ou são mantidos apenas em casos muito pontuais.

Numa casa minimalista, em todas as divisões é possível respirar um ambiente limpo e desimpedido. Na série Marie Kondo: A Magia da Arrumação, emitida pela Netflix, a conceituada especialista em organização pessoal explica o seu método de arrumação inovador.

 

Vantagens de uma decoração minimalista

 

O minimalismo veio para ficar, porque representa uma verdadeira mudança na forma como vivemos. Pelas suas vantagens, este movimento está longe de ser apenas uma tendência decorativa da atualidade.

 

 • Manutenção mais simples e rápida

Já parou para pensar no tempo que consome limpar e arrumar uma casa cheia de coisas? Tirar o pó a móveis e pequenos objetos, aspirar tapetes, lavar cortinados, limpar as juntas dos azulejos… Pois, saiba que uma decoração minimalista pode representar uma drástica mudança nesse aspeto. A manutenção e limpeza de cada espaço da sua casa torna-se muito mais rápida e eficiente. Com menos objetos e revestimentos lisos e fáceis de limpar, não vai perder tanto tempo com isso. Vai ter mais tempo livre para se focar no que realmente importa e fazer aquilo de que mais gosta.

 

 • Ambientes mais relaxantes

Os espaços minimalistas induzem calma e serenidade. A ausência de informação permite à mente repousar e desligar-se de estímulos excessivos. As cores suaves e as superfícies contínuas ajudam a tornar toda a casa num espaço relaxante. A diminuição dos níveis de stress é um dos principais benefícios apontados por quem já adotou este estilo decorativo.

 

Como transformar a sua casa num espaço minimalista?

 

Há pequenas coisas simples que pode ir fazendo aos poucos para conseguir uma decoração minimalista na sua casa.

 

1. Mantenha apenas o essencial

O primeiro passo para conseguir uma decoração minimalista é perceber o que é realmente essencial e útil. Percorra as divisões da casa e liste tudo o que for desnecessário ou já não tiver utilidade para si. Avalie o estado de móveis, objetos e roupa que já não usa. Faça doações ou venda o que ainda estiver em bom estado e elimine ou recicle o restante.

 

2. Aposte em tons claros

Renove as cores dos revestimentos da sua casa. Opte por tonalidades neutras e evite misturar muitos tons na decoração. Se não conseguir decidir, lembre-se: o branco é sempre uma boa escolha, por ser fácil de conjugar com outras cores.

Dê uma cara nova aos seus móveis, revestindo-os com cores modernas. Vai conseguir incorporá-los na sua decoração minimalista, sem precisar de os substituir.

 

3. Escolha os materias certos

O microcimento Microcrete é uma solução perfeita para o revestimento de qualquer espaço minimalista. Como não precisa de juntas, permite obter superfícies contínuas e muito fáceis de limpar. Ademais, pode aplicar-se em tetos, paredes e pavimentos.

Mesmo em casas de banho, pode usar microcimento para cobrir o revestimento atual, evitando demolições. Como está disponível numa ampla diversidade de cores, pode ajustar-se facilmente à sua decoração.

 

Saiba tudo sobre este material inovador no ebook que criámos para si. Faça o download gratuito e consiga uma decoração minimalista e moderna em toda a sua casa!

 

SABER MAIS SOBRE MICROCIMENTO

 

 


 

Subscreva o nosso Blog!

Aceito a Política de PrivacidadeDou o consentimento para o tratamento de dados

A Microcrete está comprometida com a implementação do RGPD. Para podermos tratar os seus dados pessoais, necessitamos do seu consentimento. Clique aqui para conhecer a nossa Política de Privacidade.

 

Comentário (1)

  1. Sofia Santa Cruz 6 meses ago

    Gostei muito desta tipo de decoração.

Comentar artigo

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*